Organizado pelas Edições do Gosto e Inter Magazine, o Troféu Portugal está de volta.

Organizado pelas Edições do Gosto e INTER Magazine, o Troféu Portugal está de volta.

Este é um concurso único no panorama nacional. Nas suas últimas três edições, uniu diferentes chefes de cozinha profissionais, produtos e produtores, para valorizar tanto a nossa gastronomia como os seus actores principais. Este ano, avizinha-se uma edição ainda mais única. A valorização do que de bom se faz no nosso país também e, em 2020, une-se à valorização do papel desempenhado pelas mulheres cozinheiras profissionais de Portugal. De modo a dar-lhes o devido destaque que tanto merecem, na 4ª edição do Troféu de Portugal, o painel de concorrentes será composto inteiramente por mulheres. Acontece no Dia Nacional da Gastronomia Portuguesa, em Santarém.

Amaya guterres

Quinta do Prazo, Valença

Formada pela Escola de Hotelaria e Turismo do Porto, Amaya Guterres é actualmente a chefe do Amaya Caminha, uma petisqueira, gelataria, creparia e loja de produtos gourmet. Apaixonada pela cozinha tradicional minhota, à qual confere o seu toque mais atual, que nesta edição do Troféu Portugal promete fazê-la brilhar, honrando assim as suas origens.

daniela polido

Restaurante Celmar, Aldeia do Meco

lola vinagre

Chefe Catering e Consultoria

Organizadora de eventos na área do catering e consultora em vários projectos. Estes são os títulos de Lola Vinagre. Com um percurso profissional em cozinha não tão clássico, quer demonstrar no Troféu Portugal as suas competências, adquiridas ao longo dos anos através de muito trabalho e muitas viagens. Nesta sua participação, deseja apelar a todos os sentidos com as suas criações.

michele marques

Mercearia Gadanha, Extremoz

A quase jornalista tornada chefe. Veio do Brasil para Lisboa em 2005 mas foi ao Alentejo que se rendeu. Foi lá que se formou em Gestão e Produção de Cozinha, na Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre, e foi também lá que abriu a sua Mercearia Gadanha, em 2009. O que começou como uma loja gourmet depressa passou a restaurante onde a chefe pôde dar o seu toque pessoal ao receituário português, que trará para esta edição do Troféu Portugal.

Tânia durão

Restaurante Atrevo, Porto

Tânia Durão tem imensa vontade de se atrever a arriscar. Prova disso é o seu restaurante, no Porto: Atrevo. Aqui, Tânia, que já trabalhou com os chefes Rui Paula e José Avillez,  leva a cabo as suas ideias, sem filtros ou inibições, focando-se numa cozinha de produto contemporânea que se serve de algumas técnicas tradicionais. Quer pôr a sua criatividade à prova nesta edição do Troféu Portugal.

Miguel Castro e Silva

Tem a alma do norte. Conhecedor do património alimentar português e um dos grandes mestres da cozinha do nosso país. Com uma carreira profissional bem consolidada como cozinheiro, chefe consultor e autor/co-autor de livros da área, é eleito Cozinheiro do Ano pela Academia Portuguesa de Gastronomia, no ano de 2000. Actualmente, é o proprietário do restaurante  deCastro Gaia e tem ainda um espaço no Mercado da Ribeira. É igualmente um dos chefes que assina o menu do restaurante Casario, no Porto.

Nuno Diniz

O trabalho desenvolvido ao longo dos últimos anos faz dele uma das grandes referências da cozinha em Portugal. A par da carreira de cozinheiro, é formador na Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa, chefe consultor em restaurantes e cronista em publicações da área da gastronomia. Ao seu nome, entre outros espaços, ficaram associados restaurantes como o Tágide e a York House, em Lisboa. No currículo conta ainda com a publicação da mais recente obra “Entre Ventos e Fumos”, que aborda a temática da cultura do fumeiro em Portugal.

justa nobre

margarida rego

Vencedor 2019 – Duarte Eira

Considerado um dos melhores no tratamento do bacalhau foi no restaurante Salpoente, na cidade de Aveiro que se estabeleceu profissionalmente.

A afinidade que tem com o fiel amigo valeu-lhe o título de destaque no concurso Revolta do Bacalhau, em 2011. Na edição de 2019, levou a prova a sua homenagem à Veneza portuguesa e foi o grande vencedor do Troféu Portugal, com o seguinte menu:

Sopa: Tributo à Ria de Aveiro

Petisco: Açorda Fria de Berbigão e Ostra

Prato de Cozinha Regional: Milho de Chaves

Prato de Cozinha Contemporânea: Bacalhau, Sames de Bacalhau e Mão de Vaca

Vencedor 2018 – Rodrigo Castelo

Há seis anos trocou a indústria farmacêutica pela cozinha. No peito carrega a marca do Ribatejo. Habituado à arte taurina, o ex-forcado pegou o touro pelos cornos e aventurou-se na restauração com a Taberna Ó Balcão, em Santarém.

O salto de fé foi de tal forma bem-sucedido que com a abertura do seu segundo restaurante, O Mariscador, em Lisboa, o chefe passou a dividir-se entre a capital e Santarém. No ano de 2018, foi o grande vencedor do Troféu Portugal, com o seguinte menu:

Sopa: Sopa de Peixe do Rio com Ovas de Barbo

Petisco: Jardineira de Caracoletas e Lagostim do Rio

Prato de Cozinha Regional: Capado Assado no Forno com Arroz da Matança

Prato de Cozinha Contemporânea: Cornos e Tentáculos

Vencedor 2015 – Rui Martins

Amante da cozinha regional portuguesa e defensor do que é nacional, é um dos responsáveis pelo desenvolvimento de conhecimento na área da gastronomia.

Pertence ao restrito grupo que enverga a jaleca de Chefe Cozinheiro do Ano. No seu currículo consta a passagem por espaços como o RIB Beef & Wine, no Porto. Habituado a colocar-se à prova foi o vencedor da primeira edição do Troféu Portugal, em 2015, apresentando o seguinte menu:

Sopa: Sopa de Bacalhau do Conselheiro

Petisco: Pezinhos de Coentrada

Prato de Cozinha Regional: Pica no Chão

Prato de Cozinha Contemporânea: Uma Ajardineirada de Vitela

Troféu Portugal 2020

Day(s)

:

Hour(s)

:

Minute(s)

:

Second(s)

ORGANIZAÇÃO

CO-ORGANIZAÇÃO

CIDADE ANFITRIÃ

PATROCINADOR PRINCIPAL

 

 

PRODUTOS OFICIAIS

 

 

 

 

PARCEIRO

 

 

 

 

Edições do Gosto 
www.egosto.pt | andreia.gomes@egosto.pt
(+351) 218 822 992

Universo Etaste


Outros sites